Intérprete de Baile de Favela é contra ostentação.

Ainda sem casa ou carro adquiridos com o dinheiro dos shows, MC João procura não deixar o sucesso subir à cabeça

mina-responsa-musica-de-mc-joao

Falando em música, na contramão da maioria dos funkeiros que faz questão de ostentar luxo e riqueza nas redes sociais e nos shows, o intérprete do famoso hit “Baile de Favela” segue uma linha diferente.

Ainda sem casa ou carro adquiridos com o dinheiro que ganhou depois da fama, João Israel Simões, conhecido como MC João, prefere ser cauteloso e manter os pés no chão. No peito, ele traz estampada a frase “ostentar superação”, que considera sua melhor definição. “Fazer sucesso não é difícil, difícil é se manter no auge, continuar fazendo sucesso, e essa é a minha intenção”, afirma ele, que viu sua vida mudar completamente após a atual música de trabalho estourar nas paradas de sucesso. O clipe original atingiu a marca de 50 milhões de visualizações em 4 meses, mas devido às palavras de baixo calão, o hit ganhou outra versão – sem palavrões – para que pudesse ser transmitido nas rádios.

Atualmente, João, que tem 24 anos, faz aproximadamente 40 shows por mês. Com o cachê – cujo valor ele prefere não revelar – sustenta a mãe e as duas irmãs, de 16 e 18 anos. O pai morreu quando o cantor tinha 16 anos, vítima de um problema cardíaco. Desde então, o jovem se viu na obrigação de cuidar da família e passou a trabalhar como office boy, mas foi no mundo do funk que ele realmente se encontrou. O incentivo veio do amigo Renato Lima, mais conhecido como Menor da VG. “O funk me deu oportunidade de conseguir sustentar a minha família, juntando o dinheiro dos shows com os R$ 620 que eu ganhava no meu emprego”, declarou. “Antes o desespero batia sempre, éramos quatro pessoas para viver com esse meu salário. Mas eu acredito que meu pai me guiou até aqui, me deu força para me manter focado e não fazer coisas erradas”.

Mesmo com a exposição na mídia, o jovem ainda mora na comunidade da Jova Rural, bairro do extremo da zona norte de São Paulo, mas em breve deve se mudar para uma casa mais confortável com a família. “A música Baile de Favela surgiu de repente e foi inesperado o sucesso dela. Ela está mudando a minha vida, estou podendo dar uma vida melhor a minha mãe e minhas irmãs. Meu pai deve estar orgulhoso de mim lá de cima”, comentou.

Apesar de já ter uma nova música engatilhada, MC João quer usufruir ainda do primeiro grande sucesso. “Ainda não é hora de lançar, temos um planejamento preparado e pensado para isso”, explicou. “Estou tirando minha carta de motorista… tenho alguns sonhos de criança que pretendo realizar aos poucos, mas isso eu deixo quieto, vamos indo devagar. Quero dar uma vida melhor para a minha família e não deixar elas passarem por tudo o que passamos novamente”.

Sobre o futuro profissional, MC João garante que está aberto a mudanças. “O funk tem várias vertentes, nem todos os MCs cantam ostentação. Também não quero me prender a um estilo, quero ficar livre de poder amanhã cantar outro estilo de funk”, enfatizou.

Para as fãs interessadas, um aviso: ele está solteiríssimo e não pretende namorar por enquanto, porém está aproveitando o assédio para conhecer várias meninas.

Veja o clipe original: